Associação Ajudôu é destaque em programa nacional da Ambev

Associação Ajudôu é destaque em programa nacional da Ambev
Associação Ajudôu é destaque em programa nacional da Ambev

Associação Ajudôu é destaque em programa nacional da Ambev 

Entidade é parceira da Prefeitura de Timóteo e venceu o Programa Voa 2020, que contou com a inscrição de 400 entidades de todo o país


“Essa premiação consolida o trabalho que estamos desenvolvendo há 25 anos e que nasceu aqui em Timóteo”. Foi com essa afirmação que o diretor executivo da organização da sociedade civil (OSC) Ajudôu, Júlio César Lana Jaques, comemorou o reconhecimento do Programa Voa 2020, da Ambev. 

Esta foi a quarta edição do programa que contou com a inscrição de 400 organizações da sociedade civil de todo o país. Destas, foram selecionadas 94 iniciativas e apenas seis chegaram à final que premiou a Associação Ajudôu e outra entidade de Recife. Além da premiação em dinheiro, os integrantes da Associação Ajudôu participaram de uma mentoria ao longo de 10 meses.

Segundo Júlio Lana o tema apresentado pela organização timoteense foi “Captação de recursos” com o foco na diversificação de recursos e patrocínios, um dos gargalos na vida das organizações sociais em todo o território nacional. Júlio explica que o fato de a entidade ter investido em comunicação digital ampliou a sua capacidade e visibilidade.

Na pandemia a entidade teve que se reinventar, por causa da suspensão das aulas. “Como o projeto funciona basicamente dentro das escolas, durante pandemia desenvolvemos a campanha ‘Ajudôu x Coronavírus’ para arrecadar mantimentos e distribuir às famílias de alunos de maior vulnerabilidade social”, conta o diretor da entidade, acrescentado que a iniciativa foi exitosa ao levantar junto às empresas 1,5 ml cestas básicas e outros mil cartões alimentação. A entidade também inovou ao disponibilizar vídeo-aulas que se tornaram sucesso entre os alunos.

Validação 

A certificação pela Ambev, na opinião do idealizador e diretor do Ajudou, serve como uma validação da organização em nível nacional. “Considero que essa premiação foi dada à cidade de Timóteo onde tudo começou. Esse reconhecimento, com certeza, vai motivar ainda mais a equipe a continuar trabalhando com afinco”, pontuou Júlio.

Ele conta que as expectativas no início de 2020 eram muito positivas, com uma perspectiva de crescimento de 20% em relação ao ano anterior. Em 2019 a Associação Ajudôu fechou a temporada com oito projetos em andamento, 3,5 mil crianças atendidas em 22 cidades mineiras. Com a crise da Covid-19, num primeiro momento a perspectiva de otimismo se transformou em apreensão para, em seguida, se transformar em euforia após a mentoria com o pessoal da Ambev onde foi possível fazer contato com gente do país inteiro. “Ao encerrarmos o ano de 2020 o balanço não poderia ter sido melhor. Ampliamos a nossa atuação para 18 projetos, com atendimento de 4,5 mil alunos em 40 cidades nos estados de Minas Gerais, Espírito Santo, Bahia e São Paulo gerando mais de 80 novos postos de trabalho”, destacou o diretor executivo do ajudou.

O projeto Ajudôu conta com o apoio da Prefeitura de Timóteo no desenvolvimento das suas atividades para mais de 600 alunos em seis escolas municipais, além da APAE.