Timóteo registra 380 notificações entre sábado e segunda-feira (10) por causa das chuvas intensas

Timóteo registra 380 notificações entre sábado e segunda-feira  (10) por causa das chuvas intensas
Timóteo registra 380 notificações entre sábado e segunda-feira  (10) por causa das chuvas intensas
https://youtu.be/XiUcmXRbL4Q

Entre sábado (8) e a madrugada desta segunda-feira a Prefeitura de Timóteo registrou 380 notificações incluindo o desabamento de um casarão condenado no Bairro Centro Sul, queda de postes, árvores, de parte de uma calçada próximo à rotatória do Bairro Cruzeirinho e inundação de casas no Distrito de Cachoeira do Vale. 

Segundo o Boletim Extraordinário do Sistema de Alerta Hidrológico da Bacia do rio Doce, às 5h da manhã desta segunda-feira (10), o nível do rio Piracicaba (que integra a bacia hidrográfica do Rio Doce) oscilou na cota 870 cm, sendo que o nível de alerta para inundações é 620 cm. 

Os bairros mais atingidos pelas chuvas recentes em Timóteo, além do distrito, foram o Alvorada, Ana Moura, Ana Rita e Nossa Senhora das Graças. Até o momento 13 famílias – 56 pessoas, estão alocadas na Escola Estadual José Ferreira Maia e na Igreja Assembleia de Deus, ambos no Cachoeira do Vale. O número de desalojados é bem maior, mas em virtude da pandemia e para evitar aglomeração foi recomendado que eles procurassem abrigo em casa de familiares. Somente quem não teve para onde ir foi alocado na Escola e na igreja.

“Estamos fazendo o acompanhamento diário dessas famílias juntamente com equipes da Secretaria de Saúde que, no domingo, monitorou a pressão arterial, glicose e medicamentos dessas pessoas que estão desalojadas”, destacou a secretária municipal de Assistência e Desenvolvimento Social, Rosanna Moura.  As famílias estão recebendo toda a assistência do Município, incluindo a alimentação.

Doações

Também foi iniciada uma mobilização para o recebimento de doações como água potável, haja vista que a Copasa cortou o fornecimento de água em alguns bairros da cidade; material de limpeza (cloro, rodo, detergente, vassoura, pano de chão) e cestas básicas.  Nesse momento não há necessidade de doar roupas. Os materiais devem ser levados para a Secretaria de Educação, na Alameda 31 de Outubro, Bairro Centro Norte, que centralizará o recebimento dessas doações.