Vigilância Sanitária de Timóteo verifica medidas de prevenção à Covid nas escolas

Vigilância Sanitária de Timóteo verifica medidas de prevenção à Covid nas escolas
Vigilância Sanitária de Timóteo verifica medidas de prevenção à Covid nas escolas
https://youtu.be/XiUcmXRbL4Q

Escolas das redes pública e privada devem seguir protocolos Estadual e Municipal de
Enfretamento à pandemia
A Secretaria de Saúde e Qualidade de Vida de Timóteo, por meio do setor de Vigilância
Sanitária, está realizando o monitoramento do cumprimento dos protocolos sanitários
de prevenção à Covid-19 no ambiente escolar. A elaboração das normas municipais de
segurança sanitária voltadas para as escolas foi subsidiada pelo protocolo estabelecido
pela Secretaria Estadual de Saúde.
Os protocolos Estadual e Municipal foram repassados para os estabelecimentos de
ensino. No caso da rede municipal de ensino, desde o início do atual ano letivo, as
escolas se adequaram ao plano municipal de retorno às aulas da Secretaria de
Educação, Cultura, Esporte e Lazer, adotando as medidas sanitárias de enfrentamento
à pandemia, inclusive com a distribuição de máscaras para os alunos e protetor facial
para professores, adoção de medidas de distanciamento social com separação das
carteiras e escalonamento do horário do recreio para evitar aglomeração e distribuição
de dispenser de álcool em gel.
O município já havia ministrado palestras com o objetivo de capacitar os profissionais
do transporte escolar e os diretores das instituições de ensino do município. As
capacitações foram realizadas nos meses de janeiro e fevereiro, abordando os temas:
1- Regulamentação para a Retomada Gradativa das Aulas; 2- Saúde e Segurança do
Trabalhador; e 3- Limpeza e Desinfecção de Superfícies e Ambientes.
Além da disponibilização de informações sobre os protocolos e as capacitações, a
Vigilância Sanitária iniciou no mês passado as atividades de monitoramento “in loco”
das escolas, acompanhando o retorno das aulas presenciais. Os trabalhos de campo
foram iniciados no dia 24 de junho.
O setor de Vigilância Sanitária elaborou um cronograma dividido em duas etapas: na 1ª
Etapa, que prosseguirá nos meses de julho a setembro, será realizado o
monitoramento das instituições de ensino municipais; na 2ª Etapa, de setembro a
dezembro, será realizado o monitoramento das instituições de ensino estaduais e
privadas. O setor de Vigilância Sanitária atenderá a eventuais denúncias de
descumprimento das normas de boas práticas pelas escolas, conforme resoluções
vigentes, através do telefone 38477633. As denúncias relacionadas à COVID-19
continuam sendo realizadas no setor de Fiscalização COVID por meio do telefone
(031)9.9499-3236.

“O objetivo é monitorar as instituições de ensino no que se refere às boas práticas dos
quesitos sanitários e medidas adotadas de enfrentamento à COVID-19, conforme
estabelecido por protocolos Estadual e Municipal de Retomada às Aulas Presenciais.
Todas as escolas tiveram acesso às normas e têm a responsabilidade de colocá-las em
prática”, frisa a coordenadora da Vigilância Sanitária, Ana Amélia Camilo Soares. A
coordenadora frisa que o cronograma de monitoramento foi definido considerando
que o setor mantém o atendimento às demandas rotineiras como liberação de alvarás
e fiscalização sanitária de estabelecimentos comerciais.
As inspeções estão sendo orientadas por um roteiro de inspeção pré-estabelecido, no
qual abrange desde as questões de boas práticas até as medidas de enfrentamento. O
monitoramento vai gerar dados que subsidiarão a construção de informações para
orientar possíveis ações que se fizerem necessárias para adequação às medidas
sanitárias. Já foram vistoriadas as escolas municipais Virgínia de Souza Reis (Alegre),
Novo Tempo, Unidade Municipal de Educação Infantil (UMEI) Cantinho da Descoberta
(Novo Tempo), UMEI Professor Ruimar Bertelli Machado (Limoeiro) e Centro Municipal
de Educação Integrada/Educacação de Jovens e Adultos (Centro Norte).